Eleitores de Aécio em 2014 preferem Bolsonaro em 2018

Publicado por

A última pesquisa DataFolha para a disputa presidencial, divulgada esta semana, voltou a confirmar o quadro identificado por outros institutos. Com as ressalvas de sempre, ou seja, de que é muito difícil capturar intenção de voto a quase dez meses das eleições, os dados apurados pelo DataFolha trazem, no entanto, um cruzamento bem interessante. O instituto perguntou aos eleitores em quem eles votaram para presidente em 2014 e comparou as respostas com as intenções de votos para 2018.

O resultado mostra uma associação entre o voto Dilma-Lula e uma não associação entre o voto Aécio-Alckmin. Ou seja, o eleitor que preferiu Dilma continua, em sua maioria, propenso a votar em Lula. Já aqueles que afirmam ter votado no candidato do PSDB em 2014 apostam agora em Bolsonaro: 32%. Entre os eleitores de Aécio, apenas 16% dizem que votarão em Alckmin. Este é um dado que mostra o tamanho do desafio do candidato do PSDB no próximo ano. Seus eleitores não estão muito empolgados com a candidatura do governador de São Paulo, embora, como sabemos, Alckmin não tem feito campanha tão intensa quanto Bolsonaro nos últimos meses.

 

Painel 1 (16).png

Quem tem a preferência de quem anulou o voto?

Os dados indicam ainda que cerca de 20% dos eleitores que votaram em Branco em 2014 dizem que preferem agora Lula, percentual levemente menor que o registrado a favor de Marina (22%). Já entre os que disseram que anularam o voto há quatro anos afirmam que votarão em Bolsonaro (20%). O candidato do PSC é o que mais mobiliza os eleitores que votaram em ninguém em 2014. Esse é um dado que expressa bem o sentimento de parte dos eleitores.  Bolsonaro não só mobiliza eleitores que preferiram Aécio no passado, como também aqueles que anularam o voto em 2014.

 

Eleitores de Bolsonaro são jovens e têm escolaridade alta

Com os dados do DataFolha, organizei dois gráficos bem simples para ver como se distribui a intenção de votos dos candidatos por escolaridade e faixa etária. Chama atenção o grupo que declara voto em Bolsonaro. Eles são mais jovens e têm melhor escolaridade. O desempenho do candidato do PSC chega a ter a maior intenção de voto entre os eleitores com nível superior. A distribuição da intenção de voto em Lula é mais equilibrada em todas as faixas etárias, mas ele tem desempenho menor entre os mais escolarizados. No caso de Marina, sua intenção de voto é maior entre os mais escolarizados. Não há muitas diferenças entre os eleitores por faixa etária.

Painel 2 (5).png

 

Painel 3.png

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s