Lula é o maior beneficiado quando eleitor é informado que o petista é candidato

Publicado por

As pesquisas de opinião eleitoral costumam fazer duas rodadas de perguntas nos seus levantamentos. Uma espontânea, na qual apenas é perguntado para o eleitor em quem ele pretende votar, e a estimulada, quando são apresentados os nomes dos possíveis candidatos. Esse é um método interessante porque pode ajudar a identificar o potencial de alguns competidores e ainda o peso da informação nova para os eleitores que hoje não estão prestando muita atenção na “campanha”.

Pois bem, na pesquisa Ibope realizada entre os dias 18 e 22 de outubro,  26% dos entrevistados na rodada espontânea disseram que votarão em Lula; outros 9% em Bolsonaro; 26% pretendem anular ou votar em Branco/Nulo, e 30% não sabem ou não responderam. Ou seja, há muitos eleitores que, espontaneamente, não sabem dizer em quem pretendem votar. Mas o que acontece quando eles recebem um estímulo, ou seja, são informados sobre quem são os possíveis candidatos?*

A informação nova faz o eleitor reavaliar a sua primeira opinião. Como é possível observar no gráfico abaixo, 85% dos eleitores que apontaram Lula como sua preferência (espontânea) repetiram essa resposta quando o entrevistador apresentou a cartela com os nomes dos candidatos (estimulada). Outros 15%, que haviam escolhido o petista, no entanto,  passaram a optar por outros nomes na estimulada. Migraram para Marina, Huck, Bolsonaro entre outros, corrigindo a sua primeira resposta.

LULA (1)

 

No caso de Bolsonaro,  88% dos eleitores que o indicaram como candidato na pesquisa espontânea voltaram a repetir essa resposta na pesquisa estimulada.  Outros 12%, ao receberem a informação de quem são os demais candidatos, reavaliaram a resposta, e optaram agora por Lula, João Doria, Álvaro Dias, entre outros.

Filename

Nessa soma de perdas e ganhos, vale a pena observar também as respostas espontâneas dos Branco/Nulos e dos Indecisos. Para quem eles migram quando são informados sobre quem são os possíveis candidatos?

Relembrando. Na pesquisa espontânea, 26% disseram que votariam em Branco/Nulo e outros 30% estão indecisos ou não responderam à pergunta. Quando são apresentados os nomes dos candidatos, os Brancos/Nulos caem para 18% e o Indecisos para 5%. Mas quem se beneficia mais?

Pelos dados, cerca de 51% daqueles que votariam em Branco/Nulo mantiveram essa posição, outros 13%, no entanto, afirmam agora que votarão em Lula, enquanto 9% em Marina, e 5% em Doria e outros 5% em Huck. Já Bolsonaro recebe 6% desses eleitores.

Filename (1)

 

Já entre aqueles que se diziam indecisos na espontânea (30%), quando são apresentados os nomes dos candidatos, 27% afirmam preferir Lula. Outros 13% afirmam que votarão em Branco/Nulo, e outros 13% continuaram indecisos. Outros 11 disseram que votarão em Marina. Bolsonaro e Alckmin foram mencionados como opção por 8% desses eleitores.

indecisos

* Os percentuais de intenções de votos, assim como os de Brancos/Nulos e Indecisos mudam conforme o cenário testado pelo Ibope. Nesta análise foi considerado apenas o cenário com Lula, Bolsonaro, Alckmin, Luciano Huck, João Doria, Ciro Gomes, Chico Alencar, Ronaldo Caiado e Marina Silva. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s