Dois livros (Free) fundamentais para você começar a analisar dados

Publicado por

Uma pergunta que sempre aparece em palestras, seminários e cursos de Jornalismo de Dados é: por onde começar? Cada um tem um percurso próprio de aprendizado. Alguns iniciam escrevendo histórias, depois se interessam por apurações mais consistentes, baseadas em dados, depois partem para fazer análises. Outros começam pelos dados e a análise, e depois aprendem a escrever histórias. Saber qual é o seu percurso é tarefa que só cabe a você responder, mas se existe uma dica básica, talvez até óbvia, diria: estude muito.

Para fazer boas perguntas e tentar responde-las a partir da análise de dados só mesmo apreendendo técnicas de tratamento de dados, ter leitura geral razoável sobre política, economia, cultura, ciência, tecnologia. Mas ter um conhecimento geral apenas não adianta. É preciso também buscar a especialidade.

Existem vários pesquisadores, jornalistas e colegas feras na extração e análise de dados no Brasil. O cientista político Emerson Cervi, da Universidade Federal do Paraná, é, certamente, um deles. Ele tem se dedicado há anos a produzir análises a partir de dados. Sua página no Facebook e o seu blog são espaços que o professor usa para apresentar algumas das suas experiências focadas principalmente em política. Mas Cervi tem buscado também disseminar de forma mais sistemática o conhecimento e a aplicação de métodos quantitativos, como no novo livro que acaba de lançar: “Manual de Métodos Quantitativos Para Iniciantes em Ciência Política”.

livro1

A obra é uma ótima contribuição do professor da Federal do Paraná também para Jornalistas de Dados. Você pode até “não gostar” de política, mas se gosta ou pretende trabalhar com dados, sugiro que tenha o livro de Cervi sempre à mão.  Veja alguns capítulos que você vai encontrar lá:

  • Para que servem os métodos quantitativos?
  • Conceitos fundamentais
  • Dados, indicadores, escalas e formas de representação
  • Medidas estatísticas
  • Amostras

“Manual de Métodos Quantitativos” é, a meu ver, um excelente começo. Escrito em linguagem de humanos, com tópicos bem claros e exemplos. Não se intimide com as fórmulas estatísticas que aparecem em alguns capítulos. Cervi é bem didático na explicação dessas fórmulas, que você não precisa decorar, mas precisa saber o conceito por trás delas, porque é partir daí que saberá como tratar os seus dados.

Essa é a segunda contribuição de Cervi. Em 2014, ele lançou “Análise de Dados Categóricos em Ciência Política”. O livro, também disponível para download, segue o mesmo modelo do atual. Simples, didático e cheio de exemplos para você entender por que, como usar e como não usar dados para fazer suas análises. O Jornalismo de Dados agradece.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s