Botafogo tem avaliações melhores; técnicos e goleiros também

Publicado por

Depois de uma visão geral do comportamento das notas e classificações dadas por jornalistas aos jogadores dos quatro grandes times do Rio, agora chegou a vez de verificar se essas avaliações se diferem muito para Flamengo, Botafogo, Fluminense e Vasco.

BOTAFOGO MELHOR NA FOTO

O comparativo das notas demonstra que Botafogo tem uma avaliação média levemente superior aos demais. Com média 6,0, o alvinegro supera o Flamengo (5,6), Fluminense (5,6) e Vasco (5,5). É claro que o número de vitórias influencia os dados. Botafogo e Flamengo tiveram o mesmo número de vitórias, mas o rubro-negro, com mais derrotas, acabou puxando a média para baixo.

Além de uma nota geral levemente maior, as avaliações dadas por jornalistas ao Botafogo são mais homogêneas, com menos variações, quando comparadas com as do Flamengo e, principalmente, Fluminense. Parte disso pode ser explicado pelo desempenho mais equilibrado de vitórias, derrotas e empates do Botafogo no período da coleta dos dados. Ao contrário do alvinegro carioca, o Fluminense é o time com a maior variação de notas, isto é, com avaliações mais discrepantes.

PS: A base que usei tem 464 notas. Esse total foi obtido depois de excluir casos de jogadores que ficaram sem avaliação porque entraram no final da partida ou ficaram pouco tempo em campo. Pela distribuição, 34% das notas são do Flamengo, 28% do Fluminense, 22% do Botafogo e 15% do Vasco.

 

Painel 5

Painel 4 (1)

 

TÉCNICOS E GOLEIROS COM MELHORES AVALIAÇÕES

A distribuição das notas por posição do atleta no time, incluindo os técnicos, mostra que há diferenças curiosas. Técnicos e goleiros tendem a apresentar médias melhores: 6,4 e 6,2. Laterais e atacantes receberam notas abaixo de 6,0. Com pequenas diferenças, estão também meias e zagueiros, ambos com médias bem próximas daquelas atribuídas a laterais e atacantes.

Painel 6

 

AS CLASSIFICAÇÕES SEGUNDO O RESULTADO DO JOGO

Por fim, volto à distribuição das classificações dadas pelos jornalistas aos jogadores, considerando o saldo de gols. A ideia era verificar com um pouco mais de precisão a relação entre essas classificações e derrotas, empates e vitórias.

Como já havia dito, há casos que fogem à regra, mas no geral, as classificações negativas estão mais próximas das derrotas, enquanto classificações positivas estão mais próximas dos resultados de vitória. O interessante desse gráfico é que ele mostra as classificações pelo saldo de gols, ou seja, uma forma de verificarmos também se as classificações tendem a ficar cada vez mais fortes segundo os número de gols. O que vocês acham?

Painel 8

________

A base de dados utilizou as notas e avaliações feitas pelo caderno de esportes do Globo. A escolha tem um motivo óbvio: no Rio é o jornal que cobre e faz avaliações quase diárias dos quatro grandes times do Estado (Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco). Apesar da escolha, alerto que este post não tem o objetivo de encontrar chifre na cabeça de cavalo: supostamente deduzir viés dos jornalistas na avaliação. Futebol é mais divertido que isso e entendo que as avaliações não têm carácter científico. O post pode e deve ser lido, portanto, como um exercício (divertido) de como é possível trabalhar com dados, além, é claro, de servir de inspiração para os meus alunos de Jornalismo que desejam trabalhar com análise de dados em suas publicações.  🙂

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s